Manual do Servidor FIOCRUZ

Gratificação de desempenho de atividade técnico-administrativa - GDATA

DEFINIÇÃO:

  • Gratificação concedida a todos os servidores ocupantes de cargos efetivos da Fiocruz, integrantes dos Planos de Carreiras PCCCS/89 e PCC/70.

REQUISITOS BÁSICOS:

  • O servidor necessita ter estado na condição de efetivo exercício por no mínimo 2/3 (dois terços) do período avaliativo; ter seu desempenho avaliado no mês de outubro de cada ano.
  • Existência de notas resultantes das avaliações de desempenho individual e institucional válidas para o período e consideradas as ocorrências em cada situação especial descrita em lei.

INFORMAÇÕES GERAIS:

  • A GDATA é concedida com base no mesmo modelo de avaliação da GDACTSP, somente ocorrendo variação na forma de cálculo e valor de pagamento.
  • Avaliação de Desempenho na Fiocruz:

a) A Comissão de Avaliação convoca e ouve a Chefia Imediata do servidor sobre seu desempenho no período avaliativo e, em seguida, reúne-se, discute e atribui notas na coluna Comissão no Formulário de Avaliação Individual de Desempenho.

b) A Comissão convoca o servidor para a Reunião de Consenso para a análise e discussão sobre as notas da Auto-Avaliação e as atribuídas pela Comissão. No caso de divergências entre as notas, prevalece (m) a (s) nota (s) atribuída (s) pela Comissão.

c) A Comissão lança as notas de consenso na coluna Consenso e efetua os cálculos de ponderação das notas. Em seguida, os membros assinam e colocam suas matrículas Siape.

d) O servidor, manifesta sua concordância ou não, data, assina e coloca sua matrícula SIAPE no Formulário de Avaliação de Desempenho Individual.

e) Caso o servidor não concorde com as notas atribuídas, pode justificar no campo "Comentário do avaliado sobre seu posicionamento" ou então interpor recurso, no formulário específico, à Comissão da Unidade no prazo de 05 (cinco) dias úteis.

f) Caso o servidor continue discordando das notas atribuídas, após análise do recurso pela Comissão, deverá interpor recurso à Comissão Interna de Carreiras.

EXIGÊNCIA DOCUMENTAL:

  • Formulário de Avaliação de Desempenho.

PROCEDIMENTO:

  • O servidor deverá preencher o formulário de Avaliação de Desempenho emitido pelo SRH da sua Unidade de lotação e efetuar sua autoavaliação, em seguida, devolve o formulário à Comissão de Avaliação da Unidade.

 

FUNDAMENTAÇÃO LEGAL:



Imprima esta página

Mudou de endereço? Foi redistribuído? Ganhou promoção?

Quais são os casos previstos em lei de substituição de chefia?
R: Os servidores investidos em cargo ou função de direção ou chefia e os ocupantes de cargo de Natureza Especial, terão substitutos, indicados em regimento interno, ou designados previamente pelo dirigente máximo do órgão ou entidade. Saiba mais.

Como fazer a remoção de um servidor, com ou sem mudança de sede?
R: O interessado deve fazer um requerimento justificando a sua remoção (a pedido), dirigido à sua chefia imediata e ao Diretor de sua Unidade de origem para autorização de seu deslocamento, com a devida anuência do Setor ou Unidade que irá acolher o requerente. Saiba mais.

O que é necessário para solicitar o afastamento para cursos de pós-graduação?
R: O servidor precisa obter autorização da Direção da Unidade, bem como a declaração da Instituição de ensino contendo o nome do Curso e o período a ser realizado, entre outras documentações. Saiba mais

 

Veja todas as perguntas e respostas

Fundação Oswaldo Cruz - Diretoria da Recursos Humanos
Av. Brasil, 4365 - Pavilhão Figueiredo de Vasconcelos/ Sala 215 Manguinhos - Rio de Janeiro - RJ
CEP: 21040-360 Tel: (21) 3836-2200/ Fax: (21) 3836-2180 | Ouvidoria Fiocruz